O QUE É O REGISTRO

É o registro em CRA que habilita para o exercício legal da profissão o bacharel em Administração e campos conexos, os concluintes dos cursos de Tecnologia em Gestão, os pós-graduados com Mestrado ou Doutorado em áreas da Administração e os egressos de cursos Técnicos da área da Administração. Quando se torna habilitado, o profissional recebe a Carteira de Identidade Profissional (CIP). 

FORMAÇÃO TÍTULO COR DA CIP CURSOS PASSÍVEIS DE REGISTRO
Bacharéis em Administração Administrador Azul Autorizados e reconhecidos pelo MEC
Tecnólogos em Gestão Tecnólogo Verde Resolução Normativa CFA nº 505/2017.
Bacharéis em Cursos superiores conexos à Administração Gestor Verde Resolução Normativa CFA nº 506/2017
Cursos Sequenciais de Formação Específica conexos à Administração Gestor Verde Resolução Normativa CFA nº 508/2017.
Bacharéis em Cursos conexos à Administração Pública Gestor Público Azul Resolução Normativa CFA nº 507/2017
Cursos Técnicos conexos à Administração Técnico em Administração Verde Resolução Normativa CFA nº 511/2017
Cursos de Mestrado conexos à Administração Mestre Verde Resolução Normativa CFA nº 512/2017
Cursos de Doutorado conexos à Administração Doutor Verde Resolução Normativa CFA nº 512/2017

A Carteira de Identidade Profissional emitida pelo CRA-ES tem validade de Carteira de Identidade Civil em todo o território nacional de acordo com a Lei 6.206/75.


TIPOS DE REGISTRO

  1. Registro Profissional Principal
    É o registro concedido pelo CRA-ES para aqueles com domicílio profissional no Estado do Espírito Santo.
  2. Registro Profissional Secundário: Habilita o registrado ao exercício da profissão em jurisdição diversa daquela onde possui seu registro principal, sem alteração do domicílio profissional.
  3. Registro Remido: O profissional com idade igual ou superior a 65 anos e 35 anos de contribuição, ininterruptos ou não, para o Sistema CFA/CRAs, e em dia com suas obrigações, tem o direito de pedir a remissão do registro e ficar desobrigado do pagamento das anuidades futuras, porém, manterá o direito de usar o título de Administrador, Gestor ou Técnico em Administração, entre, outros benefícios do Conselho.
  4. Registro Profissional de Estrangeiro: É concedido ao profissional estrangeiro portador de visto temporário que possua Autorização de Trabalho concedida pelo Ministério do Trabalho e Emprego, publicada no D.O.U., cujas atividades profissionais estejam compreendidas nos campos de atuação privativos da Administração, previstos na Lei nº 4.769/65 e legislação conexa. O registro profissional de estrangeiro poderá ser concedido também àquelas pessoas físicas que obtiverem grau acadêmico no Brasil, e que residem e trabalham com autorização na região de fronteira.

IMPORTANTE:

  1. Para os bacharéis e egressos dos cursos superiores de tecnologia em gestão que possuem diploma registrado no MEC, a CIP é definitiva.
  2. Para os bacharéis ou egressos dos cursos superiores de tecnologia em gestão recém-formados, que apresentem declaração ou certidão de colação de grau, a CIP possui validade de dois anos. Com a apresentação do diploma registrado, será emitida a CIP definitiva.
  3. O Tecnólogo em Gestão, o Mestre ou o Doutor em Administração após o registro torna-se legalmente habilitado para o desempenho de atividades restritas à sua área de formação acadêmica.
  4. O registro é definitivo e não está vinculado à validade da Carteira de Identidade Profissional
  5. O formando terá a isenção da primeira anuidade e pagará somente a taxa de inscrição e emissão de CIP, se realizar o registro em até 60 dias corridos após a data da colação de grau.
  6. Com a transferência do registro principal entre regionais o profissional tem um novo registro principal sem interromper o vinculo com o Sistema CFA/CRAs.

Universidade do Administrador
clube de descontos
Adm Empregos
Fechar Menu